Filosofia e Fundamentos

 

Enquadrado numa perspectiva desenvolvimentista para a educação de infância, tendo sido lançada a primeira semente por David Weikart em 1960, com a implementação do Ypsilanti Perry Pre-school Project. A sua experiência profissional na área da educação especial motivou-o a desenvolver um programa de pré-escolar, que preparasse crianças carenciadas para a educação formal.

 

- A primeira fase, intitulada educação compensatória, tem início com o desenvolvimento do Project Perry, que tem como base linhas pouco definidas, embora se oponha vivamente a um programa tradicional com enfoque no desenvolvimento sócio-emocional. A chave deste programa era a aprendizagem pela acção.

 

- A fase das "tarefas piagetianas" ou "tarefas de aceleração" impõe-se como uma nova fase do modelo, que se constrói como uma colagem as teorias de Piaget, impostas de uma forma um pouco mecanizada e também com o contributo de Smilansky, que introduz ideias tão importantes como as da rotina diária e do processo "planear - fazer - rever".

 

- Esta nova fase, denominada "as experiências -chave: da aprendizagem à acção", tem como principal novidade a organização da actividade educacional em torno das "experiências - chave" e a redefinição do papel do adulto.

 

Em seguida, são descritas as várias experiências-chave, por grupos:

 

  1. Desenvolvimento social
  2. Representação
  3. Linguagem
  4. Classificação
  5. Seriação
  6. Número
  7. Espaço
  8. Tempo
  9. Movimento e desenvolvimento físico

 

 

 

in:

Educar a criança

 

http://www.wook.pt/ficha/educar-a-crianca/a/id/76419

sinto-me:
publicado por olharovazio às 22:09